Aperol

Aperol


Nascido em 1919, pelo resultado da criatividade dos irmãos Luigi e Silvio Barbieri, o Aperol, chamado assim em homenagem à palavra francesa “apéritif” (aperitivo) que, segundo Silvio caia como uma luva a descrição do licor agridoce. Uma infusão secreta de 16 ingredientes - dos quais conhecemos casca de laranjas amargas, ruibarbo,chinchona e genciana - garante as características únicas de cor e sabor da receita que permanece a mesma desde seu ano de criação.


Assimilada pelo grupo Campari em 2000, o aperitivo passou a ter grande participação no mundo da arte, publicidade, moda e estilo de vida, fortalecendo sua imagem internacionalmente.


Aperol Spritz


Como resultado da propagação do costume dos soldados alemães que misturavam água aos vinhos e aperitivos da região (spriss, do verbo alemão spritzen - borrifar ou despejar algo em liquido), ainda quando Veneza fazia parte do império Austríaco, para que as bebidas chegassem a um teor alcoólico próximo aos de cervejas (com as quais estavam acostumados), em 1950 surgia a famosa receita do Aperol Spritz.


Para o seu coquetel de maior relevância a Aperol estabeleceu um ritual, que pode ser conferido em seu site oficial (https://www.aperol.com/spritz-ritual) ou em cada uma de suas garrafas. O 3,2,1 Aperol Spritz fornece o modo de preparo da bebida em 4 partes simples: a adição de gelo seguida pela dosagem de 3 partes de prosecco, 2 partes de Aperol e 1 parte de água com gás.


Considerando cada parte como uma medida de 30ml temos a receita a seguir:


Em uma taça, já preenchida com gelo, dose:


90mls de prosecco

60mls de Aperol

30mls de água com gás


Mexa suavemente - com a ajuda de uma colher ou colher de bar (bailarina) -, apenas para garantir a total mistura das bebidas.


A ordem é tão importante quanto a suavidade da mexida, pois garante a perlage - borbulhas, o gás presente na bebida -, uma das características mais refrescantes do drink.



Aperol além do Spritz


Por ter características tão únicas o aperitivo é versátil e mais do que bem-vindo em muitos coquetéis deliciosos com diferentes propostas de sabor. Muitas vezes, por conta de seu baixo teor alcoólico e por sua presença de dulçor, o Aperol funciona como um “tempero” complementar, “apimentando” essas misturas e sendo enriquecido por outros componentes alcoólicos (como acontece no próprio Aperol Spritz).


Separei alguns dos meus favoritos entre as 57 opções de drinks que você pode encontrar no Difford’s Guide (https://www.diffordsguide.com/pt-br/cocktails/search?base=49) - um dos mais conceituados guias sobre o coquetelaria no mundo.


Paper Plane


30ml Bourbon

30ml Aperol

30ml Amaro

25ml Limão Siciliano


Coloque todos os ingredientes em uma coqueteleira (um shaker para vitaminas ou dois copos que não quebrem e se encaixem) com muito gelo e bata vigorosamente. Depois coe através de uma peneira fina (dessas de chá), para uma taça previamente gelada. Use a casca do limão siciliano para aromatizar a bebida, apertando-a contra a superfície do copo, com o lado amarelo virado para a bebida. Ajeite a casca dentro da taça, de forma a deixá-la com parte dentro e parte fora da bebida. Sirva.


Nascido em 2007, no Violet Hour de Chicago, ganhou seu toque de Aperol quando seu criador, Sam Ross, quando começou a trabalhar no famoso Milk and Honey.


Caneflower


50ml Cachaça

30ml Aperol

15ml Licor de Flor de Sabugueiro


Coloque todos os ingredientes em um copo de mixagem (mixing glass), preencha-o com gelo e mexa a bebida com o auxilio de uma colher de bar (bailarina) até sentir a temperatura do recipiente chegar a desejada. Depois disso coe a bebida para uma taça previamente resfriada. Use uma casca de um laranja bahia (umbigo) para aromatizar a bebida, apertando-a contra a superfície do copo, com o lado laranja virado para a bebida. Ajeite a casca dentro da taça, de forma a deixá-la com parte dentro e parte fora da bebida. Sirva.


Uma adaptação da receita criada pelo americano Jeff Morgenthaler.


Negroni and the Goat


40ml Gin London Dry

25ml Aperol

25ml Vermute rosso

10ml Amaro


Coloque todos os ingredientes em um copo de mixagem (mixing glass - recipientes de vidro ou metal também funcionam), preencha-o com gelo e mexa a bebida com o auxilio de uma colher ou colher de bar (bailarina) até sentir a temperatura do recipiente resfriar. Depois disso coe a bebida para um copo previamente resfriado e com, se possível, uma enorme e única pedra de gelo. Use a casca de uma laranja bahia (umbigo) para aromatizar a bebida, apertando-a contra a superfície do copo, com o lado laranja virado para a bebida. Ajeite a casca dentro do copo, entre o gelo a parte interna do copo. Sirva.


O nome homenageia seu bar de origem, o The Girl and The Goat, de Chicago, já a releitura faz jus ao Negroni, adicionando os toques únicos dos temperos de Aperol.


Naked & Famous


30ml Mezcal

24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo